Até mesmo os melhores líderes cometem erros. E esse não é o problema, afinal errar é humano, inclusive os grandes líderes. Apesar da piada popular que diz que chefes não erram, eles apenas cometem enganos. O que difere os grandes líderes dos medianos ou ruins é a forma pela qual eles lidam com seus próprios erros. Errar é natural e até pode nos ajudar a crescer profissionalmente e na vida.

Porém, é preciso aprender com os próprios erros e, quando se é um líder, fazer com que seu time também aprenda com suas falhas. Os colaboradores de uma equipe observam seus líderes e tudo que veem impacta diretamente no relacionamento e o nível de confiança com o chefe. A seguir, indicamos algumas formas de lidar com os próprios erros a fim de tirar proveito deles e crescer junto com o seu time. Acompanhe:

Reconheça seus erros…

Quando se comete um erro, a pior atitude a ser tomada é a de tentar acobertar o que fez ou colocar a culpa em outra pessoa. O melhor a se fazer é reconhecer que errou e se mostrar disposto a corrigir seu erro e aprender com ele. Líderes inseguros podem ter medo de parecer fracos, mas não admitir seu erro pode ser muito pior, custando seu próprio respeito. Admitindo seus erros, você ganha o respeito daqueles que lidera e faz com que sua liderança seja humana, afinal chefe-herói é um mito desmentido diariamente por milhares de interações dos chefes com seus liderados.

…E aprenda com eles

Depois de aprender com seus erros, não os repita. Como diz o velho ditado, quando você repete um erro, não é mais um erro, mas uma decisão. A natureza da liderança superior está em aceitar riscos, experimentar coisas novas e correr grandes riscos, procurando os limites do que é possível. E os melhores líderes sabem que criatividade significa quebrar regras, cometer erros e aprender ao longo do caminho. Os erros estão entre os maiores professores. Criatividade é permitir-se cometer erros; liderança é aprender com eles.

Ensine os outros a partir dos seus erros

O período em que nos sentimos impotentes e com menos poder pode ser um dos momentos mais ricos, quando podemos reconhecer quem somos e em que acreditamos e, assim, fazer escolhas que ajudem os outros a se beneficiar de nossas experiências. Quando você cometer erros, faça questão de ensinar aos outros o que você aprendeu. Isso cria conexão e confiança. Os melhores líderes são os grandes professores, treinadores e coaches que nos mostram o caminho depois de terem passado por esse caminho.

Erre e siga em frente

O sucesso está ligado diretamente às nossas atitudes. Pessoas de sucesso continuam se movendo. Elas cometem erros, mas não desistem e não paralisam. É importante aprender a encarar o fracasso como um ponto de partida. Você não esquece o seu erro, mas não se debruça sobre isso ou deixa que ele o derrube.

Como todos nós, você está fadado a cometer erros. Mas quando você lida bem com eles, eles podem ajudá-lo a ser um líder melhor e uma pessoa melhor.

O relatório Hogan Judgment traz uma seção importante sobre como o líder lida com suas decisões erradas, se reagem emocionalmente ou com cabeça fria, se nega ou aceita que erros e se engaja na busca de soluções de seus erros de forma superficial ou genuína. Clique aqui para saber mais sobre o Hogan Judgment.