Abrace mudanças complexas

Para executivos talentosos e ambiciosos de grandes empresas globais, grandes transições na carreira – para novos cargos, organizações, indústrias ou localizações – são um fato da vida. Assim como também é constante a necessidade de se adaptar a novas tecnologias, grupos de trabalho, estratégias e maneiras de pensar e se comportar.

Apesar de algumas pessoas lidarem com esses desafios com relativa facilidade, a maioria de nós não consegue. Pesquisas têm muito a dizer sobre qual é a melhor maneira de abordar uma mudança organizacional, no entanto, quando se trata de transições pessoais, não há muito sobre o caminho do sucesso e muitos líderes ainda sofrem.

Um sistema de sete passos pode ajudar durante eventos que exijam mudanças complexas (positivas ou negativas). Veja a seguir:

Complexidade

Uma mudança pode vir carregada com uma série de variáveis a se considerar. Muitos tentam buscar simplicidade e acabam optando por permanecer estagnados ou ignorar aspectos problemáticos da mudança para tomar uma decisão mais facilmente. No entanto, é preciso abraçar dinâmicas complexas e fazer um inventário de todos os fatores de influência, pensando em cada um separadamente, conversando com as pessoas afetadas e procurando uma opinião de um terceiro.

Clareza

É preciso entender, organizar e priorizar claramente todos os fatores para reduzir a ansiedade em torno deles. Quanto mais esclarecido o profissional estiver do que é mais importante para ele, menos ansioso vai se sentir e mais rápido vai encontrar uma clareza maior. A tarefa exige reflexão por meio de conversas com os profissionais certos. É preciso se abrir com pessoas que vão ouvir sem julgamentos e deixarão de lado suas próprias preferências e vieses para ajudá-lo e analisar os prós e contras da mudança.

Confiança

É preciso se sentir capaz de lidar com a mudança e, ao mesmo tempo, perceber que muitos desafios não podem ser previstos ou controlados. Para isso é preciso ser confiante na medida certa. Não muito, para não deixar passar informações importantes, e nem pouco, para não ficar paralisado diante das dificuldades do processo de mudança.

Criatividade

Inovação é a chave para qualquer esforço de mudança. Quando confrontado com problemas, é preciso encontrar soluções criativas, porém realistas, adaptando estratégias usadas no passado para desenvolver novas. Contatos com experiências relevantes podem ajudá-lo a testar ideias e gerar novas soluções.

Comprometimento

Uma vez pronto, é preciso fechar outras opções, incluindo a desistência, e seguir em frente. Pode ser útil pensar em uma decisão não como errada ou certa, mas como um novo caminho. Nessa fase não se pensa mais nos prós e contras, mas apenas se trabalha para fazer dar certo.

Consolidação

Essa fase envolve deixar para trás situações anteriores para que as novas possam surgir. Alguns aspectos de sua velha personalidade devem ser deixados para trás ou abandonadas à medida que a adaptação ocorre.

Mudança

O passo final do processo é viver dentro da mudança, aproveitando os resultados positivos ao lidar com consequências e desafios imprevistos.

Com Harvard Business Review